18.7.15

Chakra-flor

18.7.15
Chakras: do sânscrito: roda, disco, plexo, centro.  São centros energéticos e sutis localizados em nosso corpo. São muitos, de todos os tamanhos, porém, temos os principais, que são 7, dos quais se falam muito sobre. São os mais comuns e os mais importantes, pois estão localizados em pontos estratégicos. São como "funis" por onde ocorrem as trocas de energia entre o homem e o ambiente em que o rodeia.


Esta figura do 'sol' ou mesmo de uma 'flor', representa, claro que, simbolicamente o homem, sendo que cada pétala desta figura está fazendo referência a um Chakra.

Cada pétala representa um chakra e cada símbolo que você vê desenhado em cada pétala, significa um Mantra, que são entonações vocais/musicais e que vibram também energia. Pois o som é pura energia. Cada mantra tem também a sua relação mais afinada com um determinado chakra e que, quando é emitido, potencializa a vibração energética de seu chakra correspondente.

Os mantras-sementes (bija-mantras) despertam e ativam progressivamente cada chakra habilitando-os a realizarem suas funções corretamente, tanto materiais como espirituais. Você pode exercitar isso ao vocalizar os mantras concentrando na região específica de cada chakra, na ordem sequencial ou cada um separadamente,  repetidas vezes.

Começando de baixo para cima, temos o:

- Chakra Básico: do sânscrito: "Muladhara" e que significa "Base e fundamento"; "Suporte".
Está localizado na base da coluna e tem relação com as glândulas supra-renais.
O seu mantra correspondente é o "LAM".

- Chakra Sacro: do sânscrito: "Swadhistana" e significa: "Morada do Prazer":
Localizado na região do baixo ventre (pela sua própria localização no corpo, esse chacra seria melhor denominado como "gênito-urinário"); ligado às gônadas (homem: testículos; mulher: ovários);
O seu mantra correspondente é o "VAM"

OBS: Devido à sua intensa atuação energética na área genital, o chacra sacro normalmente é suprimido por várias doutrinas espiritualistas ocidentais, muito presas a condicionamentos antigos sobre sexualidade. Muitas delas colocam o chacra esplênico (localizado no baço) em seu lugar. O motivo disso é simplesmente o tabu em relação à questão sexual.

- Chakra Umbilical: do sânscrito: "Manipura" que significa "Cidade das jóias".
Está localizado cerca de dois centímetros acima do umbigo (controla toda a região do plexo solar); ligado `a glândula pâncreas.
Seu mantra correspondente é "RAM".

- Chakra Cardíaco: do sânscrito: "Anahata" que significa "Invicto"; "Inviolado".
Localizado no coração; ligado à glândula timo.
Seu mantra: "YAM".

- Chacra Laríngeo: do sânscrito: "Vishudda" e significa "O purificador".
Localizado na garganta; ligado à glândula tireóide (e paratireóides);
Seu mantra é: "HAM"

- Chacra Frontal: do sânscrito: "Ajnã, que significa "Centro de comando", comum chamado de "terceiro olho".
Localizado no centro da testa; ligado a glândula hipófise (pituitária);
Seu Mantra: "OM".

- Chakra Coronário: do sânscrito: "Sahashara": "O lótus das mil pétalas".
Localizado no topo da cabeça; ligado à glândula pineal (epífise);
Seu mantra: "Brahmarandra" ou o "OM".


Sendo o mantra mais importante, é considerado o corpo sonoro do Absoluto. O Om (ॐ ) é o som do universo e a semente que 'fecunda' todos os outros mantras. Relacionado ao chakra coronário, é o mais importante centro energético do corpo.
* a associação com a flor de lótus é justamente pela sua característica de se desenvolver desde o lodo e florir para a luz. O lodo representaria o chakra básico, a matéria. E a flor, o coronário. A ativação do coronário favorece uma sabedoria infinita e um contato espiritual ampliado.

A ativação dos chakras é realizada de forma unidirecional, do Básico para o Coronário, em um movimento em cadeia e interligado.

Por isso a minha associação da frase com a imagem: somos um cosmo, um macro (sol), o todo que é comporto de microcosmos (milhões de sóis).

É preciso a boa saúde de tudo que nos compõem, para o todo ser saudável.
Portanto, reCICLE a sua energia ou, melhor dizendo, 'rechakre-se'.

~ Om Shanti ~

│Samara Bassi│

© 2015. É expressamente proibida a cópia parcial e/ou total não autorizada de qualquer conteúdo deste blog.

Nenhum comentário:

Copyright - Quintal de Om © 2012 - 2017. All Rights Reserved to Samara Bassi.